Dicas de Fimes: Deus não está morto

Fonte: Google Imagens

Você já deve ter visto ou ouvido falar do filme "Deus não está morto", que está nos cinemas de todo o Brasil, né? Mas o que está em falta na internet, são críticas positivas a respeito dele. Até agora, pelo menos, 90% das críticas que li são negativas... esta é diferente.


O filme conta a história de Josh, um garoto que na faculdade, é desafiado por seu professor de Filosofia a negar a existência de Deus, junto com sua classe, escrevendo em uma folha a frase: "Deus está morto". Cristão, ele não aceita negar Deus, e entra em conflito com seu professor. Este mesmo professor, declara que já foi cristão quando criança, mas por ter perdido sua mãe para o câncer quando tinha apenas 12 anos, simplesmente parou de acreditar, pegou raiva de Deus. E ele diz algo que infelizmente se encaixa nos dias de hoje, que é: "Os ateus mais empenhados, já foram cristãos." E isso me deixa com uma tristeza gigante no coração, em saber que o caminho do inimigo os atraiu. Mas uma atitude de coragem e amor à Deus sob todas as coisas que me surpreendeu, vem justamente da namorada do Professor, que termina com ele por estar em jugo desigual. Atitude digna. 

E outra coisa super interessante esclarecida no filme, e muito discutida nos dias de hoje, é a pergunta: "Se Deus é bom, porque Ele permite o mal?". E a resposta, embora pareça complexa, é muito simples. O livre arbítrio. Como você pode escolher gostar de maçã, se nunca experimentou a laranja? Como você pode dizer que ama a Deus, se não souber o que é viver sem ele? Deus nos deu o poder da escolha. Se não, simplesmente faria bonequinhos sem sentimentos, emoções, todos inteiramente fiéis a Ele. Mas, ele nos criou. Seres frágeis, que necessitam estar aos pés dele pedindo perdão todos os dias, serem que verdadeiramente o amam, e não querem nada em troca. Esse é o verdadeiro amor.

E também outra questão polêmica. Se Deus não existe, por quê ter moral? Não roubar, não matar? Isso são leis de Deus. Logo, se ele não existe, tudo é permitido. E o diálogo que realmente acaba com as chances do professor e seus argumentos:
" - Você odeia Deus?
- Sim, odeio.
- Como você pode odiar alguém que "não existe"?"

Ah, e não posso esquecer de um dos diálogos mais lindos do Filme, que é mais ou menos assim:
"- Eu sempre fui errado, não sigo a Deus, e a minha vida é perfeita... você sempre foi certa com Deus, viveu sua vida corretamente, nunca fez nada de errado, e olha, está demente. 
- As vezes o diabo deixa as pessoas viverem sem problemas, para que não recorram a Deus."

Mas o que mais me emocionou, com certeza, foi o tal professor fazendo a oração da salvação minutos antes de sua morte. Gente, não teve como segurar as lágrimas, porque elas foram caindo e quando eu vi já estava chorando alto! Sério.

Só que é sempre bom lembrar que filmes são entretenimento, esse filme tem algumas parte sem base bíblica, mas como todo filme, normal... afinal, se quiser aprender teologia mesmo, faça um curso ou leia a bíblia (li em uma resenha isso). 

E a Mensagem principal do filme está em: Mateus 10:32-33
 32 "Quem, pois, me confessar diante dos homens, eu também o confessarei diante do meu Pai que está nos céus. 33 Mas aquele que me negar diante dos homens, eu também o negarei diante do meu Pai que está nos céus.

Para finalizar: "Deus é bom, o tempo todo. E o tempo todo, Deus é bom."





8 comentários:

  1. Ainda não pude assistir esse filme, mas quero muito assistir. Depois dessa dica fiquei com mais vontade ainda de ver. Espero poder assistir em breve. Gostei muito da resenha. Deus abençoe você Katlyn! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu assisti online hahaha Deus abençoe você também, linda :)

      Excluir
  2. Já assisti e amei! Esse filme provocou muitos sorrisos aqui em casa. É o tipo de coisa que deixa inspirada a falar de Deus, a pensar Nele e no quanto Ele tem sido bom com a gente.

    ResponderExcluir
  3. Olá Leyziane, tudo bem? Adorei seu blog super lindo!
    Nossa já ouvi falar MUITO desse filme e estou louca pra assistir haha, beijo
    www.procurafeminina.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seja bem vinda ao blog da Ley, meu nome é Katlyn, sou colaboradora ;)
      O filme é maravilhoso ♥

      Excluir
  4. eu vou ser sincera eu não queria ver esse filme não pra mim era mais um da série crente chato mais, ouvi falar muito bem dele e depois de ler sua opinião vou ver sábado com umas amigas. :)

    ResponderExcluir

© Nome do seu Blog - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo