Texto: Série Alanis - Final // Lou

“Prezado Lou, nós aprendemos muito. 
Eu sei que não seremos capazes de conversar por algum tempo. 
E eu entendo isto como você entende 
A distância foi o mais difícil. 
E nós fizemos tão bem quanto pudemos. 
Nós estivemos juntos durante uma época muito tumultuada em nossas vidas. 
Eu sempre terei seu apoio e estarei curiosa sobre você, sobre sua carreira e seu paradeiro...”

Acabou! Distância, tentativas... Mas não rolou! Feridas, dor... Um tempo sem se falar é necessário! Fim de relacionamento é assim: os dois sofrendo, às vezes um mais que o outro. Muito raro, quase impossível tudo acabar bem! É por isso que repito: Guarde seu coração!

Muitas pessoas dizem que devemos namorar pra conhecer e então ver se acontece um casamento! Pois eu digo: Só namore se tiver certeza que você se casará com essa pessoa! Use seu namoro pra conhecer sim. Conhecer o dia a dia mais de perto, as manias e aprender a lidar com elas, conhecer a Deus juntos... Mas, que esse conhecer seja regado da certeza de um casamento! Penso que o namoro é apenas um tempo de aprendizado de como ser e fazer o melhor para aquele com quem você passará o resto dos seus dias!

Voltando ao Lou...
Uma nova revelação sobre o livro bíblico de Ester! Li aquela história, que já sabia de cor e salteada, e enxerguei de uma maneira nova uma quase coadjuvante: Vasti... A primeira esposa de Assuero, o futuro esposo de Ester. 
Cara, Vasti foi exemplar como mulher e esposa. De vilã, como muitos pintam ela não tem nada! Se formos observar os padrões de Deus ela foi perfeita! E não venha me falar que ela foi insubmissa, porque eu também “desobedeceria” meu esposo pra manter minha pureza, santidade e preservação! Exatamente o que Vasti fez. Ou em nome da “obediência e submissão” do seu esposo você iria se expor a vários e vários homens bêbados? Se sim, reveja seus valores!

O vilão na verdade (se é que existe um vilão nessa história) é o rei Assuero! Foi quando comecei a reparar no seu caráter de homem. Fica muito claro ali, o quanto ele era fraco, influenciável, vulnerável, tomava suas decisões unicamente pra se aparecer e se sentir superior, não decidia nada sozinho e era totalmente imaturo: se algo não saia como ele queria rolava logo um chilique! Tipo criança em supermercado! 

Vasti como uma mulher correta, se opôs de toda maneira à idéia de ir diante de homens de diversos reinos se exibir, mostrar suas formas, sua beleza natural (e a Bíblia nos conta que era “A” beleza) e por essa atitude e os chiliques de Assuero foi expulsa do palácio. Injustiça total! Mas Deus tinha seus planos! Ele sempre tem. Então, Ester entra em cena, o rei se apaixona e ela se torna a nova rainha, a esposa de Assuero. E nesse momento algo me chamou a atenção: agora ele era “O” Assuero! 

Um homem decidido, honesto, amante da justiça, discreto, com opinião própria, defensor da honra da sua esposa e disposto a matar pra que sua Ester fosse preservada! Uau! E tudo ficou tão claro. Às vezes Vastis são necessárias na vida de um homem. Vasti foi usada por Deus pra que Ester se casasse com um legítimo Rei! Toda a situação de separação com Vasti, fez Assuero crescer e tornar-se um homem, um nobre, um rei! 

Deus sempre tem seus planos... Nossa liberdade de escolha não muda nada o fato d’Ele ser soberano! Talvez você entrou num relacionamento acreditando, de verdade, que era o melhor de Deus pra você, o cara com quem você se casaria, mas derrepente algo deu errado e acabou! Não viva debaixo de um peso por isso. Talvez você foi uma linda e doce Vasti na vida dele. Mas um dia você será uma Ester na vida de algum Assuero que está sendo moldado por ai. É tudo uma questão de tempo. Sua escolha “errada” não tirou Deus do controle! Fique tranqüila. Você não está condenada à derrota total na vida amorosa por algo que não deu certo! Às vezes as coisas não dão certo mesmo!


Alerta: isso não é uma teoria, ou desculpa pra que você saia por ai tendo relacionamentos pra ser uma “Vasti” na vida dos guris que cruzam seu caminho, mas uma verdade de que a graça de Deus existe e é ela que determina a benção na sua vida e não o que você faz ou deixa de fazer! Tudo pode ser para a glória de Deus. Ajuste seu olhar. Aprenda com suas escolhas. Mesmo que existam conseqüências, e elas existem. Ele diz que sempre estará ao seu lado, até na hora de enfrentá-las! Deixe que Ele faça tudo novo... Queixe-se pra Ele e contemple o Seu domínio! 

E aqui termina nossa série! Um grande abraço...

ps: gostaria de deixar bem claro que este texto não foi feito por mim, eu achei ele muito interessante e gostaria de passar essa mensagem pra vocês. Todo os créditos ao Santa Menina.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

© Nome do seu Blog - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo